fbpx



166553766_1911317899021500_8650484840225075279_n

O que é o Marketing 4.0? E como vai salvar sua empresa?

marketing-4.0

O que é o Marketing 4.0? E como vai salvar sua empresa?

 

 

O marketing 4.0 é aonde a gente continua focada no ser humano, porém tendo a possibilidade de conversar com a sua audiência. Você tem a possibilidade de conversar com audiência por meio dos canais digitais das empresas, sendo sites, redes sociais, blogs e até na forma de promover a própria empresa.  Esses, começam a ser ouvidos e vistos e a mensagem que a empresa quer passar começa a chegar até o consumidor.

Marketing ou mercadologia é a arte de explorar, criar e entregar valor para satisfazer necessidades e/ou desejos de um mercado consumidor. São usados produtos, serviços ou ideias que possam interessar aos consumidores. Para isso é necessário criar uma estratégia definida que será utilizada nas vendas, comunicações e no desenvolvimento do negócio. A finalidade do marketing é criar valor e chamar a atenção do cliente, gerando relacionamentos lucrativos para ambas as partes.

Uma antiga ideia vinda da biologia. A Teoria da Evolução Darwinista afirma que é o ambiente por meio de seleção natural, que determina a importância da característica do indivíduo ou de suas variações. Os organismos mais bem adaptados a esse ambiente têm maiores chances de sobrevivência. Focando em empresas e no marketing, as empresas que melhores se adaptarem as tendências de mercado consequentemente manterão seu funcionamento, lucro e aceitação do publico por mais tempo.

Conforme Kotler, Kartajaya e Setiawan (2010), para acompanhar tendências de mercado, a forma de atuação do marketing vem evoluindo. Portanto, para se chegar no conceito atual, ele passou pelas seguintes variações:

 

– Marketing 1.0 — centrado no produto.

– Marketing 2.0 — centrado no consumidor.

– Marketing 3.0 — centrado em valores.

 

Portanto, a possibilidade de um arco do marketing 4.0 ser a levar a nossa mensagem através do nosso canal de comunicação, seja eles WhatsApp, e-mails, Instagram, Facebook ou qualquer outra rede social. Então, essa é a narrativa da nova evolução do marketing 4.0.

Porém, com essa nova visão do marketing começa-se a entender que tem gente que tá lá atrás, estacionada no marketing 1.0. Criando produtos pelo que bem entende e não olhando para mercado atual no mundo que vivemos e sem dar ouvidos a voz do consumidor.

Hoje antes de pandemia, e principalmente durante a pandemia, se não olhar com cuidado para com quem eu estou fazendo provavelmente o negócio não consiga ter sucesso, pois as pessoas adotaram uma visão mais crítica e desenvolvida sobre tudo que engloba uma empresas.

Diante disso, para assimilar com essa questão do da atenção do ser humano, um estudo de 2017 feito pela CONE diz que 90% dos consumidores acreditam que é uma responsabilidade importante para uma empresa operar de um jeito que protege e beneficia a sociedade e o meio ambiente, e 89% desses entrevistados disseram que trocariam a marca que usam por outro associado a uma boa causa com preços e qualidades similares. Sendo esse cenário atualmente muito mais acelerado e acentuado no pós pandemia. Confirmando assim, que clientes seguem buscando bens e serviços alinhados às suas visões de mundo, podendo sim pagar um pouco mais se estiver de acordo com o que acreditam e pensam.

Já no contexto no contexto passado antigos fatores de confiança de uma marca eram trajetória de marca, que é trajetória de marca vários anos de alguma empresa.  Não significa que vários anos de marcado sejam necessariamente uma empresa rui. Porém, mesmo com vários anos, uma empresa não pode ficar parada no tempo. Principalmente quando trata de seus valores, comunicação com consumidores e na própria venda. Pois, o digital que hoje é um adolescente, já está completamente ativo no mercado de trabalho. Ele ivaiolhar para uma empresa de 35 anos (por exemplo) e vai dizer que a empresa velha e ultrapassada.

Como empresas podem alinhar seu pensamento comunicando com seu consumidor? E Como o Marketing 4.0 vai salvar sua empresa? A empresa comunica o que ela pensa e o consumidor alinha o seu pensamento relativo ao da empresa.

Um contexto de negócio atual só o tempo não garante nada, ele já garantiu e muito no passado. Uma consistência de serviço naquela história de um entregar com qualidade o meu produto tem grande qualidade onde o meu produto e qualidade são a história da empresa. Agora não se fala mais sob o contexto somente do produto, eu preciso falar sobre novos fatores de confiança, como a transparência e a defesa de causas importantes. Não necessariamente associar a uma ONG, ou algo similar para ajudar. Mas sim, defender a sua própria causa já é uma defesa de uma causa muito importante. Então usar as redes sociais para poder expor os pensamentos da empresa para poder falar sobre o meu produto, mas também ajudar em um contexto que cabe a ela. Falar um pouco mais sobre isso já é uma defesa de uma causa importantíssima que garante a transparência.

Concluindo assim, as empresas terão muita presença dentro do contexto digital, e sua comunicação com seus consumidores deve estar totalmente alinhada. Desde a identidade visual da empresa até a forma como a empresa se mostra no mercado. Tanto volume em postagens vai fazer com que as pessoas identifiquem se não for condizente e transparente. Uma vez identificado, isso abre a mente delas e assim não vão querer comprar o tal produto ou serviço.

VOCÊ PODE GOSTAR DE LER